Ir para o conteúdo
  MENU

Câmara Municipal de Santarém

Página principal

Agenda

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
5
Data : 2017-04-05
6
Data : 2017-04-06
7
Data : 2017-04-07
8
Data : 2017-04-08
9
Data : 2017-04-09
10
Data : 2017-04-10
11
Data : 2017-04-11
12
Data : 2017-04-12
13
Data : 2017-04-13
14
Data : 2017-04-14
15
Data : 2017-04-15
19
Data : 2017-04-19
21
Data : 2017-04-21
22
Data : 2017-04-22
23
Data : 2017-04-23
24
Data : 2017-04-24
25
Data : 2017-04-25
26
Data : 2017-04-26
27
Data : 2017-04-27
28
Data : 2017-04-28
29
Data : 2017-04-29
  SEGUIR

Aproveite o que Santarém tem para lhe oferecer este fim de semana

quinta-feira:

Esta quinta-feira, dia 9 de março, às 21h30, integrado no Ciclo NOVA - VELHA DANÇA, o Cineclube de Santarém apresenta, no Teatro Sá da Bandeira, uma Sessão de filmes a partir da obra de João Fiadeiro, com a presença do artista: “The End of a Love Affair”, 2003 de Pedro Costa, “5 anos da Re.Al”, 1995 de Laurent Simões, “Recycling Reality”, 2000-6 de João Fiadeiro, “Fragmentos”, 2008 editado por Ivo Serra e “Utopia TM”, 2013 de João Fiadeiro com o Ponto Teatro.

sábado:

Este sábado, dia 11 de março, às 09h00, já integrado nas Festas de S. José, o Campo Chã das Padeiras acolhe um Encontro de Futebol de Sub-8, organizado pela União Desportiva de Santarém.

Às 10h30 há Arte para Bebés, na Livraria Aqui Há Gato.

“Uma sessão dedicada aos bebés entre os 7 meses e os 3 anos. Cada bebé vem acompanhado de um adulto e juntos trabalham as relações, com os materiais, com os adultos e com as outras crianças. Um momento para colorir as sensações!!!”

(Duração) aprox. 60’ (Classificação) 7meses aos 3 anos (Preço) 7€ (bebé+adulto)

Às 11h30 e às 16h00, há Hora do Conto, na Livraria Aqui Há Gato. Entrada livre.

“Vamos ouvir histórias que nos fazem sonhar, rir, pensar e imaginar. Momentos que nos fazem acreditar que o mundo da fantasia pode estar tão perto...

(Duração) 30’ (Classificação) dos 0 aos 80!

Às 12h00 e às 16h30, há Oficinas de Arte - Mês das CÁPSULAS DE CAFÉ – Vamos fazer um Mini Gelado, no Aqui Há Gato.

“Com muita arte e imaginação, vamos por as mãos à obra e sentir que todos nós somos artistas e que podemos reutilizar e fazer arte com muitas coisas que, normalmente, se deitam fora.

Vamos descobrir o que podemos criar com cápsulas coloridas, na oficina de hoje vamos fazer mini gelados cheios de cor e criatividade...mas estes não são para comer...são para pendurar as chaves!”

(Duração) aprox. 60’ (Classificação) M/4 (Preço) 7€

Às 16h00, Clara Duarte lança o livro “O Meu Outro Lado”, na Sala de Leitura Bernardo Santareno.

“Clara Duarte nasceu em Santarém, licenciada em Gestão de Empresas, e tem vindo a descobrir a escrita de uma forma ingénua e descontraída

"O Meu Outro Lado" tem início com uma história real a que deu o nome de a Mulher do Saco. Retrata o quotidiano de uma idosa com o rosto marcado pelas mazelas da vida, que sobrevive com o que a terra lhe oferece generosamente. Foi com este texto que surgiu a necessidade contínua de escrever sobre outros temas até então desconhecidos para a autora.

Este livro contém trinta textos diversificados que falam de temas como a pobreza, envelhecimento, desemprego, amor, ausência, perda e coragem, entre outros. Todos eles feitos com muita alma e a certeza que todos nós temos uma parte por preencher e descobrir”.

Das 17h00 às 22h00, o Convento de S. Francisco acolhe o evento vínico Tejo a Copo, no âmbito da primeira Pós-Graduação de Wine Marketing & Events do ISLA Santarém.

Destinado à divulgação e promoção dos Vinhos do Tejo, o evento conta com a participação de vários produtores da região, degustação de vinhos, provas comentadas por enólogos e muita animação, numa atmosfera única, proporcionada por um dos mais emblemáticos edifícios de Santarém, classificado de património nacional.

A entrada é livre e conta com o apoio da Câmara Municipal de Santarém, ISLA Santarém, Comissão Vitivinícola Regional do Tejo e Instituto do Vinho e da Vinha.

Para mais informações, contate: | Pós-Graduação Wine Marketing & Events | ISLA Santarém, 2016/2017.

Às 17h30, o Teatro Sá da Bandeira acolhe a Conferência-performance “I WAS HERE” (2014), de João Fiadeiro, integrado no Ciclo NOVA - VELHA DANÇA.

“I Was Here” revisita a peça “I Am Here”, criada em 2003 e que, por sua vez, visita o universo da artista plástica Helena Almeida. Para mais informações, contate a Bilheteira do Teatro Sá da Bandeira, através do telefone - 243 309 460 ou do e-amil -

Este ‘ hábito’ de re-visitar, re-habitar, viver a mesma coisa, mas de um outro prisma, de uma outra perspectiva, acompanha desde sempre o modus operandi de João Fiadeiro. O dispositivo da ‘conferência-performance’, lugar híbrido entre a apresentação e a representação, entre a performance e o documento, amplifica ainda mais esse modo de operar, possibilitando a experiência simultânea do estar ‘presente-ausente’ , tão cara ao pensamento de Fiadeiro (...) I Was Here expõe – através da apresentação de filmes, fotos, maquetes e demonstrações – o modo como se deu o encontro com o trabalho e com a própria Helena Almeida; a forma como se desenrolou, nas diferentes escalas, o deslocamento entre o afecto original, a formulação do enunciado e a manifestação da obra; e a forma como se processou a relação com os diversos colaboradores, sobretudo com o artista visual e arquitecto Walter Lauterer, autor da cenografia-escultura que recebe o corpo de João Fiadeiro em I Am Here.”

I Was Here (2014) Concepção e apresentação João Fiadeiro | Desenho projecção vídeo Stephan Jurgens | Assistência de ensaio e dramatúrgica Carolina Campos | Direcção Técnica Pedro Correia

Conferência-Performance | Duração:55’ | Classificação M/06 | Preço 5 (lotação limitada)

Às 21h30, o Teatro Sá da Bandeira é palco da Performance “ESTE CORPO QUE ME OCUPA” (2007/2014), de João Fiadeiro, integrado no Ciclo NOVA - VELHA DANÇA. Para mais informações, contate a Bilheteira do Teatro Sá da Bandeira, através do telefone - 243 309 460 ou do e-amil -

“Se tivesse que reduzir, numa só palavra, o meu ‘modo de operação’ , aquilo que me move e me define enquanto artista, diria que funciono e trabalho com o ’resto’ . O ‘resto’ é aquilo que fica, que foi esquecido (porque não existe crime perfeito). O ‘resto’ é o que cria ‘vazio’. E é a prova da ausência de uma presença. Ou, melhor ainda, é a presença de uma ausência. É no ‘resto’ que vamos encontrar os rastos para darmos início à impossível tarefa de re-construir o mundo, uma e outra vez. Atrai-me esta ideia de saber que algo cá esteve antes de mim e que o que ficou, resistiu. O resto é também o que está entre o corpo e ‘a presença do outro no corpo’, uma fuga permanente para coisas que ainda não são, para coisas que podem ser. E é nisso que penso: em como dar a ver o que não está lá. Como trabalhar com uma matéria tão volátil como o vazio. Como apresentar o ‘entre’ das coisas? E, pior ainda, como representá-lo?” - João Fiadeiro, 2008

Este Corpo que Me Ocupa (2008/2014) Performance João Fiadeiro | Concepção João Fiadeiro e Paula Caspão | Textos Paula Caspão com João Fiadeiro | Assistência de ensaio e dramatúrgica Carolina Campos | Direcção Técnica Pedro Correia

Performance | Duração: 60’ | Classificação M/06 | Preço 5

Às 22h30, há CONVERSA E ACTIVAÇÃO DA TIMELINE COM JOÃO FIADEIRO, PAULA CASPÃO E ANA BIGOTTE VIEIRA, integrado no Ciclo NOVA - VELHA DANÇA, no Teatro Sá da Bandeira. Entrada gratuita limitada à lotação da sala.

“JOÃO FIADEIRO (1965) é coreógrafo, performer, professor e investigador. Pertence à geração de coreógrafos que emergiu no final da década de oitenta em Portugal e que deu origem à Nova Dança Portuguesa. Foi bailarino na Companhia de Dança de Lisboa (86-88) e no Ballet Gulbenkian (89-90). É director artístico do ATELIER | RE.AL (fundado em 1990) que, para além da criação e difusão dos seus próprios espectáculos – apresentados regularmente por toda Europa, América do Norte e do Sul – desenvolve uma programação de residências artísticas e apresentações de projectos transdisciplinares. Entre 1995 e 2003 colaborou com os Artistas Unidos na qualidade de responsável pelo “movimento dos actores”, tendo encenado, para essa companhia, dramaturgos como Samuel Beckett, Sara Kane ou Jon Fosse. Entre 2011 e 2014 co-dirigiu em Lisboa, com a antropóloga Fernanda Eugénio, o AND_Lab, uma plataforma de formação e pesquisa na interface entre criatividade, sustentabilidade e quotidiano. Após uma pausa de 6 anos em que se dedicou exclusivamente ao processamento e sistematização do método de “Composição em Tempo Real” – sistema de composição e improvisação desenvolvido e sistematizado por João Fiadeiro desde 1995 –, onde cruzou a sua investigação com áreas científicas como a Neurociência ou as Ciências dos Sistemas Complexos, João Fiadeiro voltou em 2015 à criação coreográfica com a criação de grupo O que Fazer Daqui para Trás. João Fiadeiro tem orientado com regularidade workshopsem diversas escolas e universidades nacionais e estrangeiras, sendo actualmente doutorando em Arte Contemporânea no Colégio das Artes da Universidade de Coimbra.

Às 23h00, tem início a Festa da Cerveja, na Música Velha, em Pernes. A Direcção 2017 da Música Velha promove o primeiro evento do mandato, com o DJ VOXKASH e imperial a 0,60€!

domingo:

Este domingo, dia 12 março, das 08h00 às 18h00, a Secção de Ju-Jitsu da Associação Académica de Santarém promove um Campeonato de Ju-Jitsu numa das suas Disciplinas – NE WAZA, integrado nas comemorações das Festas de S. José (Padroeiro da Cidade de Santarém).O Iº Open de Ne-Waza da cidade de Santarém, vai ter lugar na Nave Desportiva do Pavilhão Municipal de Santarém.

Às 16h00, a Associação de Futebol de Santarém promove a Final da Taça de Futsal 2016/2017 – Séniores Femininos o jogo do Vitória Clube de Santarém com o vs Futalmeirim, no Pavilhão Municipal de Vila Nova da Barquinha.

Em permanência:

Até dia 25 de março, visite a Exposição de Fotografia “Woman in Black & White”, de Francisca da Silva, no Centro Cultural Regional de Santarém – Fórum Actor Mário Viegas. A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 16h00 às 18h30 e aos sábados, das 10h00 às 13h00.

“Uma autodidata em muitos campos, Francisca da Silva desenvolveu a sua técnica e estilo, muito rapidamente, lendo, fazendo experiências e acompanhando fotógrafos experientes nas suas sessões. Atualmente tem o seu próprio estúdio, tendo vindo a focar-se mais em modelos. O seu trabalho mais recente inclui retratos, fotografias de corpo inteiro, bem como fotografias de nu artístico. De forma a trabalhar com vários modelos, Francisca faz sessões fotográficas, regularmente, tanto em Portugal, como em Inglaterra e Irlanda”.

Até dia 31 de março, visite o Arquivo Histórico Municipal-Mostra Documental “Falam documentos de outras eras”, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

«Registo da Ley do Selo. “Eu a Rainha faço Faço saber aos/ que este Alvará comforça de Lei virem/ Quetendo considerando edezejando promover amilhor fortuna dos me/us vasalos esendo para estefimne/cesario suprimir as Rendas do Es/tado par adefesa dos meus Reinos. Registada na vila de Santarém aos vinte de julho de 1797. Assina o escrivão, António Furtado de Mendonça Montalvo”.

A Rainha D. Maria I, ou seja, o príncipe regente (D. João VI) despacha em nome de sua mãe. Recorre a uma medida que já havia sido utilizada em séculos anteriores, a receita do papel selado, para reforçar as despesas militares e de guerras. O uso do papel selado era obrigatório em todos os atos oficiais».

A Exposição - Coleção de arte contemporânea ‘Manuela de Azevedo’, está patente até dia 31 de março, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

“Na Casa-Museu Anselmo Braamcamp Freire encontra-se em exposição parte do espólio artístico da jornalista Manuela Ferreira de Azevedo, doado à Câmara Municipal de Santarém no final da década de 80, espólio esse que contempla reconhecidos artistas nacionais e internacionais. Até ao final de março está em destaque trimestral uma obra da autoria de Manuel Cargaleiro: S/Titulo, serigrafia s/ papel, datada de 1978”.

Até dia 31 de março, visite a Exposição Bibliográfica “Vamos ler…Pe. António Vieira (1608-1697)”, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

Em 2017 comemoram-se os 320 anos da morte do Padre António Vieira, uma das personagens mais influentes do seculo XVII e um escritor e orador português da Companhia de Jesus que combateu incansavelmente a exploração e escravização dos povos indígenas, defendeu os judeus e a abolição da escravatura. Foi um dos mais inspiradores e completos oradores da história europeia cuja sua vasta obra literária, com destaque para os cerca de 200 sermões que escreveu, continua a ser em pleno seculo XXI como de grande interesse para os investigadores, academias científicas, culturais e literárias”.

Até dia 17 de junho, o Bar-Galeria do Teatro Sá da Bandeira acolhe a Exposição/Instalação/Investigação | Para uma Timeline a Haver - genealogias da dança enquanto prática artística em Portugal, de Ana Bigotte Vieira, João dos Santos Martins. A Exposição pode ser visitada de quarta-feira a sábado, das 16h00 às 19h00. Em noites de espetáculo abre uma hora antes do mesmo.

“Construindo na galeria do Teatro Sá da Bandeira uma cronologia para a dança em Portugal, “Para uma Timeline a Haver” é um exercício coletivo de investigação e de sinalização de marcos relativos ao desenvolvimento e disseminação da dança como prática artística em Portugal nos séculos XX e XXI, com especial incidência na segunda metade do século XX”.

O Piano-Bar do Teatro Sá da Bandeira acolhe, até dia 17 de junho, a Exposição Dança do Existir - Retrospetiva em imagens do trabalho coreográfico de Vera Mantero. A Exposição pode ser visitada de quarta-feira a sábado, das 16h00 às 19h00. Em noites de espetáculo abre uma hora antes do mesmo.

“Cerca de 30 fotografias traçando o percurso da coreógrafa, das suas primeiras criações às mais recentes. A exposição integra ainda a consulta de registos videográficos de alguns dos trabalhos da coreógrafa. Fotos de lcino Gonçalves, Dirk Rose, Henrique Delgado, José Fabião, Jorge Gonçalves, João Tuna, Laurent Philippe”.

Visite o Núcleo Museológico do Tempo - Torre das Cabaças, com destaque para o Relógio Solar da Torre, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30 (sob marcação através do telefone: 243 377 290 ou 912 578 970.

“Segmento de fuste de coluna com altos-relevos nas duas faces opostas. Numa encontra-se o brasão oitocentista das armas da Vila de Santarém e na outra em quadrante solar, vertical e retangular sem estilete, com orientação a meridional (quadrante meridiano). O relógio de sol encontra-se datado e a numeração das partes do dia (horas) foram insculpidas em capitais romanos, pelo processo de sulco, na sequência das linhas divisórias.

O brasão de Santarém, documentado na sigilografia desde 1246, encontra-se presente em vários testemunhos da arquitetura civil, como a ponte de Alcorce, o Chafariz de Palhais ou das Figueiras, o padrão de Santa Iria ou a Fonte da Junqueira. Testemunhando o domínio da propriedade municipal, a partilha de despesas entre o município e a coroa, a ostentação ou a comemoração dos seus emblemas (o castelo e o rio e escudetes régios), ele constitui uma fonte essencial para a história concelhia e para a identidade das suas populações no tempo e no espaço”.

Visite o Centro de Interpretação Urbi Scallabis – USCI, no Jardim Portas do Sol, de quarta-feira a domingo das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

“Instalado no Jardim Portas do Sol, o Centro de Interpretação Urbi Scalabis concilia, de forma harmoniosa, a dimensão turística e a vertente científica, fruto de um aprofundado trabalho de estudo e investigação.

A área expositiva oferece uma fácil abordagem no domínio inovador da interatividade, que permite, à distância de um toque digital, identificar e localizar o valor do património arquitetónico, a riqueza da tumulária, a abundância da heráldica e a qualidade da azulejaria que a cidade ostenta e que, muitas vezes, os escalabitanos e os turistas desconhecem”. Para mais informações, contate: 243 357 288.

Contactos

  • Município

  • Freguesias

  • Empresas Municipais

  • Segurança

  • Saúde e Serviços Sociais

  • Serv. Judiciais

  • Serv. Públicos

  • Serviço de Higiene e Limpeza

     800 207 776

  • Serviços de Cemitérios

     243 352 034
     

  • Casa Pedro Álvares Cabral/Casa do Brasil

    243 304 652

  • Posto de Turismo

     243 304 437
     

  • Biblioteca Municipal Braamcamp Freire

    243 330 240 
     

  • Divisão de Ação Social e Saúde

     243 304 400

  • BLV- Banco Local de Voluntariado

     243 304 400
     

  • Serviço de Atendimento a Familiares e a Doentes de Alzheimer

    243 304 400

  • Câmara Municipal de Santarém

    243 304 200

  • Programa Rede Social – CLASS

     243 304 424
     

  • Gabinete de Psicologia da Criança e do Adolescente

     243 304 400
     

  • Gabinete de Apoio ao Imigrante e Minorias Étnicas

     243 304 400

  • Secção de Receitas

     243 304 217
     

  • Tesouraria

     243 304 214
     

  • Divisão de Espaços Públicos e Ambiente

    243 304 250

  • Divisão de Planeamento e Urbanismo

    243 304 627 243 304 613

  • Divisão de Educação e Juventude

    243 304 400

  • Ambiente e Sustentabilidade - Equipa Multidisciplinar de Ação para a Sustentabilidade

    243 304 400

  • Serviço de Atendimento da Divisão de Ação Social e Saúde

    243 304 400

  • Divisão de Obras e Projetos

    243 304 241 243 304 297

  • Divisão de Recursos Humanos e Administração

    243 304 200

  • NIAC - Núcleo de Informação Autárquica ao Consumidor

    . 243 304 408 
     

  • Serviço de Sanidade e Higiene Pública Veterinária

     243 304 230
     

  • Relações Públicas e Comunicação

    243 304 400

  • Assembleia Municipal de Santarém

    243 304 223
     

  • Gabinete Técnico Florestal

    243 333 122

  • Departamento Técnico e Gestão Territorial

    243 304 628

  • Sala de Leitura Bernardo Santareno

     243 304 649
     

  • Departamento de Administração e Finanças

    243 304 200

  • Bombeiros Municipais de Santarém

    243 333 122 / 243 333 091

  • Centro Local de Apoio à Integração de Imigrantes

     243 304 400/243 304 409

  • RLIS – Rede Local de Intervenção Social

     914 516 813

     

  • Casa do Ambiente

    243 321 183

  • Loja do Cidadão

    707 241 107

  • Teatro Sá da Bandeira

    243 309 460

     

  • Centro de Investigação Prof. Doutor Joaquim Veríssimo Serrão

    243 304 662

     

  • União de Freguesias da cidade de Santarém

    243 321 531

  • Junta de Freguesia de Gançaria

    243 405 164

  • União das freguesias de Casével e Vaqueiros

    243 441 253

  • União das Freguesias de Azoia Cima e Tremês

    243 479 923

  • Junta de Freguesia de Moçarria

    243 499 592

     

  • Junta de Freguesia de Póvoa da Isenta

    243 769 350

  • União das Freguesias de São Vicente do Paúl e Vale de Figueira

    243 441 857

  • Junta de Freguesia de Arneiro das Milhariças

    243 449 807

  • Junta de Freguesia de Vale de Santarém

    243 769 614

  • União das Freguesias da Romeira e Várzea

    243 469 758

  • Junta de Freguesia de Pernes

    243 440 570 

     

  • Junta de Freguesia de Amiais de Baixo

    249 870 787

  • União Freguesias de Achete, Azoia Baixo e Póvoa Santarém

    243 469 555

  • Junta de Freguesia de Abrã

    243 400 548

     

  • Junta de Freguesia de Alcanede

    243 400 313

  • Junta de Freguesia de Abitureiras

    243 469 599

  • Junta de Freguesia de Alcanhões

    243 429 794

  • Junta de Freguesia de Almoster

    243 491 404

  • Pavilhão e Nave Desportiva Municipal

     243 300 908

  • A.S. - Empresa das Águas de Santarém - EM, S.A.

    243 30 50 50

  • Piscinas do Sacapeito

     243 300 905

  • Complexo Aquático Municipal

     243 300 900
     

  • Viver Santarém

    243 300 900

     

  • Proteção Civil Municipal

    243 333 122/ 243 333 091

  • Bombeiros Municipais de Santarém

     243 333 122 / 243 333 091 

  • Polícia de Segurança Pública

    243 322 022/23/24

  • Guarda Nacional Republicana Brigada 2 - Grupo Territorial de Santarém

    243 300 070

     

  • Bombeiros Voluntários De Santarém

    243377900

     

  • Serviço Municipal de Proteção Civil

    800 222 122

  • Hospital Distrital de Santarém

     243 300 200 

  • Centro Regional de Segurança Social

    243 330 400

  • Administração Regional de Saúde

    243 300 700

  • Unidade de Saúde Familiar do Planalto (Centro de Saúde de Santarém)

    243 303 231/32/33 

  • Unidade de Saúde familiar de S. Domingos (C.S. Santarém)

    243 330 600/601

  • Santa Casa da Misericórdia de Santarém

    243 305 260

  • Cruz Vermelha Portuguesa

     243 323 374
     

  • APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima

    243 356 505

     

  • GAV - Gabinete de Apoio à Vítima de Santarém

    243 356 505

  • Procuradoria da Instância Local Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Instrução Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Criminal de Santarém

    243 305 150

  • DIAP

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central do Trabalho de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Cível de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria do Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Comércio de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Família e Menores de Santarém

    243 305 150

  • CTT – Estação

    243 309 730

  • Portugal Telecom, Comunicações S.A.

    243 500 900

  • EDP - LTE - Eletricidade de Portugal

    808 505 505 (linha comercial)

    800 506 506 (avarias

  • Rodotejo

    243 333 200

  • CP - Caminhos-de-ferro Portugueses

    243 333 180

    www.cp.pt

  • Museu Diocesano de Santarém

    243 304 065

  • Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas – CNEMA

    243 300 300

     

×