Ir para o conteúdo
  MENU

Câmara Municipal de Santarém

Página principal

Agenda

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
17
24
25
31
  SEGUIR

Aproveite o que Santarém tem para lhe oferecer este fim de semana

quarta-feira:

Esta quinta-feira, dia 15 de março, a Câmara de Santarém vai assinalar a comemoração do Dia Mundial dos Direitos do Consumidor, com a ação de divulgação e sensibilização “Projeto Sénior + Ativo - Consumidor Informado. Consumidor Protegido”, às 14h30, no Centro Comercial W Shopping.

Nesta sessão, que vai estar a cargo de Fernanda Santos, Coordenadora Nacional do Departamento de Formação e Educação da Deco, e de Suzana Pestana, da Delegação Regional da DECO de Santarém, e que conta com a participação de Inês Barroso, Vereadora da Câmara Municipal de Santarém, a DECO, com o apoio do Fundo para a Promoção dos Direitos dos Consumidores, promove esta Campanha Informativa, que tem como objetivo reforçar a informação e a formação dos consumidores seniores, possibilitando-lhes o acesso a produtos e serviços em condições de equidade com a restante população.

Às18h00, têm início as Festas de S. José, com Homenagem a Celestino Graça, junto ao Monumento erigido em sua homenagem, junto à Praça de Toiros Celestino Graça, a que segue a inauguração oficial das Festas, que conta com a participação da Irmandade dos Romeiros de S. José, campinos e acordeonistas, no Campo Infante da Câmara, a par da Formatura de receção/ abertura das Festas com alunos da Escola dos Leões, em frente à Casa do Campino.

Às 22h00, atua a Banda AS BAND. Esta banda de Viseu apresenta-se no Palco SAGRES, com 9 músicos/cantores e 2 bailarinos.

Durante 5 dias. o grande evento do Concelho dá a conhecer ao País o que Santarém tem de melhor, no que respeita às suas tradições e ícones: o folclore, em que o fandango é o rei da festa, volta a encher de luz e de cor as ruas do Centro Histórico, no desfile etnográfico que conta com a participação dos ranchos folclóricos do Concelho, a par do mercado tradicional e das largadas de toiros, que decorrem no Campo Infante da Câmara.

As Festas de S. José, em termos dos espaços dos Expositores Comerciais, Artesanato e restaurantes, na Casa do Campino e Cavalariça 4, funcionam, no dia 15, das 18h00 às 00h00. Nos dias 16, 17, 18, das 12h00 às 00h00 e no dia 19, das 12h00 às 23h00. As tasquinhas, doçaria e produtos regionais, na Cavalariça 1/ Pavilhão entre Cavalariças, no dia 15, funciona das 18h00 às 01h00, nos dias 16, 17 e 18, das 12h00 às 01h00 e no dia 19, das 12h00 às 23h00. Os Bares e diversões, funcionam, no dia 15, das 18h00 às 03h00, no dia 16, das 12h00 às 03h00, nos dias 17 e 18, das 12h00 às 04h00, e no dia 19, das 12h00 às 23h00.

Às 21h30, o Filme de Samuel Benchetrit “Histórias de Bairro”, passa no Teatro Sá da Bandeira.

“Com três histórias a serem contadas alternadamente, este filme de Samuel Benchetrit baseia-se num livro escrito pelo próprio e gira à volta de uma unidade de habitação social decrépita e das pessoas que lá vivem.

Um vizinho que se recusa a pagar o arranjo do elevador porque mora no segundo andar e nunca o usa (acaba por ter de andar de cadeira de rodas), uma estrela de cinema em fase decadente e um astronauta norte-americano que aterra no telhado são algumas delas”.

O elenco inclui Isabelle Huppert, Michael Pitt, Gustave Kervern, Tassadit Mandi e Jules Benchetrit, filho do realizador.

Título original: Asphalte | De: Samuel Benchetrit | Com: Isabelle Huppert, Gustave Kervern, Valeria Bruni Tedeschi, Tassadit Mandi, Michael Pitt | Género: Drama, comédia | Outros dados: FRA, 2015, Cores

(Cinema) (Duração) 200’ (Classificação) M/12 (Preço) 5€/2,5€ sócios Cineclube

quinta-feira:

Esta quinta-feira, dia 16 de março, às 16h00, integrada nas festas de S. José, a Obra, em V volumes “A Vila de Santarém (1640-1706) /Instituições e administração Local/Corpus Documental” – Introdução e Leitura de Martinho Vicente Rodrigues, é apresentada no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A partir das 22h00, a organização oferece uma Noite de Tunas, no Palco SAGRES, que conta com a participação da ISSÓTUNA, TAGES, TUFES, TAESAS e SCALABITUNA.

Às 21h30, há Visita guiada ao Teatro Sá da Bandeira - Uma aventura no Teatro, promovida pelo Aqui Há Gato, com o apoio da Câmara de Santarém.

“Uma visita à descoberta de um espaço com muita história, onde tudo pode acontecer. Uma casa com muitos cantos e recantos, com muitas personagens viajantes que se questionam, que riem, sonham, e que vivem a mesma vida que nós, ou talvez não... Um mistério para desvendar, um dia no teatro para nunca mais esquecer”.

(Teatro) (Duração) 90’ (Classificação) M/6 (Preço) 4€ (20 pessoas – máximo por sessão)

sexta-feira:

Esta sexta-feira, dia 17 de março, entre as 10h00 e as 12h00, a Calçada 66 (lateral do W shopping) acolhe o PROJETO Oficina Outdoor - INcluir –Oficina de Pintura- Oficinas para todos e para cada um, dinamizada pelo Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Hospital Distrital de Santarém, com o apoio da Fundação EDP, no âmbito do programa EDP Solidária - Inclusão Social 2016.

«“Uma oficina para todos e para cada um” é o grande objetivo deste Projeto, direcionado para a inclusão de todos na comunidade. Uma atividade que acolhe as diferenças e promove a interação entre cidadãos é o princípio para combater a exclusão social. Convidamos a comunidade a participar na oficina de pintura, apareça!»

Às 18h30, a Sala de Leitura Bernardo Santareno acolhe o lançamento do Livro

“Com a vida tão perdida – Diário de um prisioneiro na Primeira Guerra Mundial”,

da autoria de Fernando Rita.

“O autor revela-nos, como nos refere Pedro Marquês de Sousa, o autor do prefácio, as palavras de Sebastião Duarte. Este combatente não demonstra ódio pelo inimigo e não hostiliza o regime que o enviou para a guerra. Apenas mostram a simplicidade do homem, nascido no meio rural que, por força do destino, foi atirado para outras partes do mundo e se viu envolvido no mais sangrento e brutal conflito que a humanidade conhecera até então”.

Às 21h30, integrado nas Festas de S. José, atuam os ETÉREA com o Coro do Círculo Cultural Scalabitano, liderado pelo maestro António Matias, no Claustro da Casa do Campino. Este espetáculo musical e visual para todas as faixas etárias, oferece um estilo Metal Sinfónico e arranjos clássicos.

Às 22h30, VIRGUL, o Artista, Músico, MC, Cantor e Intérprete - um dos fundadores dos Da Weasel que há algum tempo se estreou a solo, depois da estimulante experiência por que passou nos Nu Soul Family, sobe ao Palco SAGRES, para um Concerto inserido na digressão que inclui datas na Suíça.

Às 24h00, a Banda d’Ká, constituída por José Carlos, João Mourinha, Carlos Martins, Paulo Jarego, José Manuel Rodrigue e convidados, sobe ao Palco SAGRES.

Cinco autodidatas formaram a Banda d’Ká e querem partilhar com o público o puro prazer da música e dos poemas cantados em português. O gosto comum pela música e o prazer partilhado pela poesia levou-os a formar a Banda d’Ká, de modo a levar os sons e as palavras que dois dos cinco elementos da banda – Paulo Jarego e José Manuel Rodrigues escreveram, e em que todos participaram, até ao resultado final, a que chamam “Reflexos”.

À mesma hora, o Aqui Há Gato promove uma Visita guiada ao Teatro Sá da Bandeira, com o apoio da Câmara de Santarém.

“Uma visita à descoberta de um espaço com muita história, onde tudo pode acontecer. Uma casa com muitos cantos e recantos, com muitas personagens viajantes que se questionam, que riem, sonham, e que vivem a mesma vida que nós, ou talvez não... Um mistério para desvendar, um dia no teatro para nunca mais esquecer”.

(Teatro) (Duração) 90’ (Classificação) M/6 (Preço) 4€ (20 pessoas – máximo por sessão)

À mesma hora, há Jazz ao Centro, com o Quarteto Jazz “Dinardo João Borietto”, no Centro Cultural Regional de Santarém – Fórum Actor Mário Viegas.

"Vindos de Lisboa, Dinardo João Borietto é um quarteto de jazz constituído por jovens músicos entre os 16 e 28 anos. Alunos/Ex-alunos da Escola de Jazz Luiz Villas-Boas - Hot Club de Portugal vão interpretar alguns dos mais emblemáticos temas e canções num concerto para o qual deixamos um convite à Vossa presença”.

sábado:

Este sábado, dia 18 de março, às 10h30, há Oficina de Dança, com a Professora Sofia de Almeida, no Aqui Há Gato.

"Descobrir o meu corpo, a minha relação com o outro, explorar o espaço, os objetos...entre danças de roda, ou até mesmo individualmente. Tudo isto entrando no mundo da nossa imaginação que é absolutamente mágica!!! Porque é assim que gostamos... Aprendendo, brincando". Com a professora Sofia de Almeida.

(Duração) aprox. 30’ (Classificação) 3 aos 5 anos (Preço) 7€ (Marcação prévia)

Às 11h30 e às 16h00, há Hora do Conto, na Livraria Aqui Há Gato. Entrada livre.

“Vamos ouvir histórias que nos fazem sonhar, rir, pensar e imaginar. Momentos que nos fazem acreditar que o mundo da fantasia pode estar tão perto...

(Duração) 30’ (Classificação) dos 0 aos 80!

Às 12h00, integrado nas Festas de S. José, as Confrarias Gastronómicas e Enófilas reúnem-se em Santarém, para o seu Encontro Nacional e organizam um desfile pelo Centro Histórico da Cidade, com saída da Praça Marquês Sá da Bandeira (Largo do Seminário).

Às 12h00 e às 16h30, os Pais juntam-se aos Filhos para uma Oficinas de Arte Especial – vem fazer uma Moldura, no Aqui Há Gato. Inscreve-te e vem com o teu Pai ser Artista.

Com muita arte e imaginação, vamos por as mãos à obra e sentir que todos nós somos artistas e que podemos reutilizar e fazer arte com muitas coisas que, normalmente, se deitam fora.

(Oficinas de Expressão Plástica) Duração: aprox. 1h - classificação: M / 4 – 7€

Às 16h00, a Associação Comercial de Santarém (Rés-do-chão do Palácio Landal), é palco da apresentação do Livro "Quero dizer-te, amor", o mais recente livro de poesia de José Braga-Amaral.

«Ocorre-nos que raramente se tem lido na nossa literatura uma tão veemente e intensa profissão de fé num amor perdido ou ausente ― embora reencontrado e presente pela memória das horas ácidas da sua vigência.

Comoventes e violentos, estes versos são uma versão enraivecida pela dor da suave cantiga de João Roiz Castelo Branco, que começa: “Senhora, partem tão tristes/ Meus olhos por vós, meu bem”. Tem a mesma força magoada e persuasiva, embora transfigurada e ampliada pela incapacidade do poeta de aceitar o apartamento.

Amor, amor, amor ― eis o Leitmotiv do livro. Neste livro, tanto se celebra o amor físico, que nos queima por fora, como o amor espiritual, que nos queima por dentro. Às vezes o poeta parece libertar-se da obsessão e sai do seu mundo interior, devastado pela ausência do amor. Divaga então pelo mundo que o cerca, mas acaba por regressar sempre, vencido, ao lugar do amor ou usar esse mundo exterior como metáfora do amor nos seus vários momentos: sedução, consumação, êxtase.» A. M. Pires Cabral

Às 18h30, integrado nas Festas de S. José, é inaugurada a nova Sede da Federação Portuguesa de Yoga e da AMA – Associação Movimento Aberto, no Campo Infante da Câmara.

Às 20h00, a Sede do Rancho Folclórico do Vale de Santarém acolhe a Noite de Fados “O Fado desceu à Vila”.

“O Rancho Folclórico do Vale de Santarém promove uma noite de Fados com a participação dos fadistas Manuel José Duarte, Pedro Frade, Florbela Rosa, Elias Santos, António Pepe, Ana Paula Santos e Dinis Fonseca acompanhados na guitarra por Paulo Leitão e na viola Gilberto Silva”.

(Preço) 10 fados por pessoa | inclui jantar (Caldo Verde, Magusto com Bacalhau Assado)

Reservas e informações: 916 117 945 / 918 748 952

Às 21h00, integrado nas Festas de S. José, a Orquestra Típica Scalabitana oferece o Concerto do 71.º Aniversário, que tem como convidada especial a soprano Hélia Castro.

Às 23h00, Mickael Carreira sobe ao Palco SAGRES, para um concerto integrado na Tour INSTINTO.

A partir da 01h30, a animação musical prossegue com o DJ Paulino Coelho.

domingo:

Este domingo, dia 19 de março - Dia de S. José – Feriado Municipal e Dia do Pai, integrado nas Festas de S. José, são inauguradas 3 ruas. Às 10h00, a Avenida José Manuel Cordeiro, às 10h30 a Avenida Dr. Carlos Abreu e às 11h00, a Rua dos Ex Combatentes do Ultramar.

Às 15h30, atua a Tuna da UTIS – Universidade da Terceira Idade de Santarém, no Claustro da Casa do Campino.

Às 16h00, decorre a Cerimónia de entrega de Medalhas da Cidade, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, que, à semelhança das atribuições a outros grupos de folclore do Concelho, que se têm notabilizado pelo seu trabalho em prol da preservação dos valores etnográficos, entrega a Medalha de Mérito, ao Rancho Folclórico de Vila Nova do Coito, fundado em 16 de abril de 1961. O trabalho deste grupo é assinalável como Embaixador das Tradições Populares do Bairro Ribatejano, para além de contribuir para a divulgação digna da freguesia de Almoster e do concelho de Santarém, no nosso País e no Estrangeiro, para além da promoção anual de diversas atividades socioculturais que valorizam a sua relação com a comunidade, nomeadamente, através da realização do Festival de Folclore “Da Aldeia à Cidade”.

O Grupo de Futebol dos Empregados do Comércio - “CAIXEIROS”, vai receber a Medalha de Ouro da Cidade, no ano em que comemora o seu centenário, pelo trabalho desenvolvido ao longo dos anos em prol do associativismo desportivo e do envolvimento social, para além do reconhecimento pelo papel desenvolvido pelo Grupo de Futebol dos Empregados no Comércio na formação dos jovens do Concelho e na forte participação no desenvolvimento desportivo e, fundamentalmente, o papel que tem demonstrado na sua aposta de parceria com todos os envolventes, na construção de um plano estratégico comum e inclusivo, numa sociedade cada vez mais participante e integradora de princípios e valores.

OS “Caixeiros” são um emblema associativo de grande relevo para a Cidade e para o Concelho, A par do Grupo de Futebol, associam-se atividades desportivas de relevo, no Basquetebol, Hóquei em Patins, Ténis de Mesa, Andebol, Danças Desportivas e Campismo.

A partir das 17h00, integrado nas Festas de S. José, há Tarde de Folclore, com o Rancho Folclórico de Viegas, Grupo Folclórico de Danças Regionais de Santa Iria da Ribeira de Santarém e Rancho Folclórico da Romeira.

Às 19h00, o Grupo de Sevilhanas Salero e Alma (Hollyspace de Santarém), atua no Claustro da Casa do Campino.

Às 17h00, o Teatrinho de Santarém apresenta Teatro para a Infância - Kid Labaredas, no Centro Cultural Regional Santarém - Fórum Actor Mário Viegas.

“Kid Labaredas é o chefe de uma terrível quadrilha de incendiários de florestas. As crianças das escolas, com a ajuda dos bombeiros, conseguem lutar contra o fogo e salvam a natureza, protegendo as árvores e os animais”.

Em permanência:

Até dia 25 de março, visite a Exposição de Fotografia “Woman in Black & White”, de Francisca da Silva, no Centro Cultural Regional de Santarém – Fórum Actor Mário Viegas. A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 16h00 às 18h30 e aos sábados, das 10h00 às 13h00.

“Uma autodidata em muitos campos, Francisca da Silva desenvolveu a sua técnica e estilo, muito rapidamente, lendo, fazendo experiências e acompanhando fotógrafos experientes nas suas sessões. Atualmente tem o seu próprio estúdio, tendo vindo a focar-se mais em modelos. O seu trabalho mais recente inclui retratos, fotografias de corpo inteiro, bem como fotografias de nu artístico. De forma a trabalhar com vários modelos, Francisca faz sessões fotográficas, regularmente, tanto em Portugal, como em Inglaterra e Irlanda”.

Até dia 31 de março, visite o Arquivo Histórico Municipal-Mostra Documental “Falam documentos de outras eras”, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

«Registo da Ley do Selo. “Eu a Rainha faço Faço saber aos/ que este Alvará comforça de Lei virem/ Quetendo considerando edezejando promover amilhor fortuna dos me/us vasalos esendo para estefimne/cesario suprimir as Rendas do Es/tado par adefesa dos meus Reinos. Registada na vila de Santarém aos vinte de julho de 1797. Assina o escrivão, António Furtado de Mendonça Montalvo”.

A Rainha D. Maria I, ou seja, o príncipe regente (D. João VI) despacha em nome de sua mãe. Recorre a uma medida que já havia sido utilizada em séculos anteriores, a receita do papel selado, para reforçar as despesas militares e de guerras. O uso do papel selado era obrigatório em todos os atos oficiais».

A Exposição - Coleção de arte contemporânea ‘Manuela de Azevedo’, está patente até dia 31 de março, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

“Na Casa-Museu Anselmo Braamcamp Freire encontra-se em exposição parte do espólio artístico da jornalista Manuela Ferreira de Azevedo, doado à Câmara Municipal de Santarém no final da década de 80, espólio esse que contempla reconhecidos artistas nacionais e internacionais. Até ao final de março está em destaque trimestral uma obra da autoria de Manuel Cargaleiro: S/Titulo, serigrafia s/ papel, datada de 1978”.

Até dia 31 de março, visite a Exposição Bibliográfica “Vamos ler…Pe. António Vieira (1608-1697)”, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

Em 2017 comemoram-se os 320 anos da morte do Padre António Vieira, uma das personagens mais influentes do seculo XVII e um escritor e orador português da Companhia de Jesus que combateu incansavelmente a exploração e escravização dos povos indígenas, defendeu os judeus e a abolição da escravatura. Foi um dos mais inspiradores e completos oradores da história europeia cuja sua vasta obra literária, com destaque para os cerca de 200 sermões que escreveu, continua a ser em pleno seculo XXI como de grande interesse para os investigadores, academias científicas, culturais e literárias”.

Até dia 17 de junho, o Bar-Galeria do Teatro Sá da Bandeira acolhe a Exposição/Instalação/Investigação | Para uma Timeline a Haver - genealogias da dança enquanto prática artística em Portugal, de Ana Bigotte Vieira, João dos Santos Martins. A Exposição pode ser visitada de quarta-feira a sábado, das 16h00 às 19h00. Em noites de espetáculo abre uma hora antes do mesmo.

“Construindo na galeria do Teatro Sá da Bandeira uma cronologia para a dança em Portugal, “Para uma Timeline a Haver” é um exercício coletivo de investigação e de sinalização de marcos relativos ao desenvolvimento e disseminação da dança como prática artística em Portugal nos séculos XX e XXI, com especial incidência na segunda metade do século XX”.

O Piano-Bar do Teatro Sá da Bandeira acolhe, até dia 17 de junho, a Exposição Dança do Existir - Retrospetiva em imagens do trabalho coreográfico de Vera Mantero. A Exposição pode ser visitada de quarta-feira a sábado, das 16h00 às 19h00. Em noites de espetáculo abre uma hora antes do mesmo.

“Cerca de 30 fotografias traçando o percurso da coreógrafa, das suas primeiras criações às mais recentes. A exposição integra ainda a consulta de registos videográficos de alguns dos trabalhos da coreógrafa. Fotos de lcino Gonçalves, Dirk Rose, Henrique Delgado, José Fabião, Jorge Gonçalves, João Tuna, Laurent Philippe”.

Visite o Núcleo Museológico do Tempo - Torre das Cabaças, com destaque para o Relógio Solar da Torre, de quarta-feira a domingo, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30 (sob marcação através do telefone: 243 377 290 ou 912 578 970.

“Segmento de fuste de coluna com altos-relevos nas duas faces opostas. Numa encontra-se o brasão oitocentista das armas da Vila de Santarém e na outra em quadrante solar, vertical e retangular sem estilete, com orientação a meridional (quadrante meridiano). O relógio de sol encontra-se datado e a numeração das partes do dia (horas) foram insculpidas em capitais romanos, pelo processo de sulco, na sequência das linhas divisórias.

O brasão de Santarém, documentado na sigilografia desde 1246, encontra-se presente em vários testemunhos da arquitetura civil, como a ponte de Alcorce, o Chafariz de Palhais ou das Figueiras, o padrão de Santa Iria ou a Fonte da Junqueira. Testemunhando o domínio da propriedade municipal, a partilha de despesas entre o município e a coroa, a ostentação ou a comemoração dos seus emblemas (o castelo e o rio e escudetes régios), ele constitui uma fonte essencial para a história concelhia e para a identidade das suas populações no tempo e no espaço”.

Visite o Centro de Interpretação Urbi Scallabis – USCI, no Jardim Portas do Sol, de quarta-feira a domingo das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

“Instalado no Jardim Portas do Sol, o Centro de Interpretação Urbi Scalabis concilia, de forma harmoniosa, a dimensão turística e a vertente científica, fruto de um aprofundado trabalho de estudo e investigação.

A área expositiva oferece uma fácil abordagem no domínio inovador da interatividade, que permite, à distância de um toque digital, identificar e localizar o valor do património arquitetónico, a riqueza da tumulária, a abundância da heráldica e a qualidade da azulejaria que a cidade ostenta e que, muitas vezes, os escalabitanos e os turistas desconhecem”. Para mais informações, contate: 243 357 288.

Contactos

  • Município

  • Freguesias

  • Empresas Municipais

  • Segurança

  • Saúde e Serviços Sociais

  • Serv. Judiciais

  • Serv. Públicos

  • Serviço de Higiene e Limpeza

     800 207 776

  • Serviços de Cemitérios

     243 352 034
     

  • Casa Pedro Álvares Cabral/Casa do Brasil

    243 304 652

  • Posto de Turismo

     243 304 437
     

  • Biblioteca Municipal Braamcamp Freire

    243 330 240 
     

  • Divisão de Ação Social e Saúde

     243 304 400

  • BLV- Banco Local de Voluntariado

     243 304 400
     

  • Serviço de Atendimento a Familiares e a Doentes de Alzheimer

    243 304 400

  • Câmara Municipal de Santarém

    243 304 200

  • Programa Rede Social – CLASS

     243 304 424
     

  • Gabinete de Psicologia da Criança e do Adolescente

     243 304 400
     

  • Gabinete de Apoio ao Imigrante e Minorias Étnicas

     243 304 400

  • Secção de Receitas

     243 304 217
     

  • Tesouraria

     243 304 214
     

  • Divisão de Espaços Públicos e Ambiente

    243 304 250

  • Divisão de Planeamento e Urbanismo

    243 304 627 243 304 613

  • Divisão de Educação e Juventude

    243 304 400

  • Ambiente e Sustentabilidade - Equipa Multidisciplinar de Ação para a Sustentabilidade

    243 304 400

  • Serviço de Atendimento da Divisão de Ação Social e Saúde

    243 304 400

  • Divisão de Obras e Projetos

    243 304 241 243 304 297

  • Divisão de Recursos Humanos e Administração

    243 304 200

  • NIAC - Núcleo de Informação Autárquica ao Consumidor

    . 243 304 408 
     

  • Serviço de Sanidade e Higiene Pública Veterinária

     243 304 230
     

  • Relações Públicas e Comunicação

    243 304 400

  • Assembleia Municipal de Santarém

    243 304 223
     

  • Gabinete Técnico Florestal

    243 333 122

  • Departamento Técnico e Gestão Territorial

    243 304 628

  • Sala de Leitura Bernardo Santareno

     243 304 649
     

  • Departamento de Administração e Finanças

    243 304 200

  • Bombeiros Municipais de Santarém

    243 333 122 / 243 333 091

  • Centro Local de Apoio à Integração de Imigrantes

     243 304 400/243 304 409

  • RLIS – Rede Local de Intervenção Social

     914 516 813

     

  • Casa do Ambiente

    243 321 183

  • Loja do Cidadão

    707 241 107

  • Teatro Sá da Bandeira

    243 309 460

     

  • Centro de Investigação Prof. Doutor Joaquim Veríssimo Serrão

    243 304 662

     

  • União de Freguesias da cidade de Santarém

    243 321 531

  • Junta de Freguesia de Gançaria

    243 405 164

  • União das freguesias de Casével e Vaqueiros

    243 441 253

  • União das Freguesias de Azoia Cima e Tremês

    243 479 923

  • Junta de Freguesia de Moçarria

    243 499 592

     

  • Junta de Freguesia de Póvoa da Isenta

    243 769 350

  • União das Freguesias de São Vicente do Paúl e Vale de Figueira

    243 441 857

  • Junta de Freguesia de Arneiro das Milhariças

    243 449 807

  • Junta de Freguesia de Vale de Santarém

    243 769 614

  • União das Freguesias da Romeira e Várzea

    243 469 758

  • Junta de Freguesia de Pernes

    243 440 570 

     

  • Junta de Freguesia de Amiais de Baixo

    249 870 787

  • União Freguesias de Achete, Azoia Baixo e Póvoa Santarém

    243 469 555

  • Junta de Freguesia de Abrã

    243 400 548

     

  • Junta de Freguesia de Alcanede

    243 400 313

  • Junta de Freguesia de Abitureiras

    243 469 599

  • Junta de Freguesia de Alcanhões

    243 429 794

  • Junta de Freguesia de Almoster

    243 491 404

  • Pavilhão e Nave Desportiva Municipal

     243 300 908

  • A.S. - Empresa das Águas de Santarém - EM, S.A.

    243 30 50 50

  • Piscinas do Sacapeito

     243 300 905

  • Complexo Aquático Municipal

     243 300 900
     

  • Viver Santarém

    243 300 900

     

  • Proteção Civil Municipal

    243 333 122/ 243 333 091

  • Bombeiros Municipais de Santarém

     243 333 122 / 243 333 091 

  • Polícia de Segurança Pública

    243 322 022/23/24

  • Guarda Nacional Republicana Brigada 2 - Grupo Territorial de Santarém

    243 300 070

     

  • Bombeiros Voluntários De Santarém

    243377900

     

  • Serviço Municipal de Proteção Civil

    800 222 122

  • Hospital Distrital de Santarém

     243 300 200 

  • Centro Regional de Segurança Social

    243 330 400

  • Administração Regional de Saúde

    243 300 700

  • Unidade de Saúde Familiar do Planalto (Centro de Saúde de Santarém)

    243 303 231/32/33 

  • Unidade de Saúde familiar de S. Domingos (C.S. Santarém)

    243 330 600/601

  • Santa Casa da Misericórdia de Santarém

    243 305 260

  • Cruz Vermelha Portuguesa

     243 323 374
     

  • APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima

    243 356 505

     

  • GAV - Gabinete de Apoio à Vítima de Santarém

    243 356 505

  • Procuradoria da Instância Local Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Instrução Criminal de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Criminal de Santarém

    243 305 150

  • DIAP

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central do Trabalho de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central Cível de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria do Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Comércio de Santarém

    243 305 150

  • Procuradoria da Instância Central de Família e Menores de Santarém

    243 305 150

  • CTT – Estação

    243 309 730

  • Portugal Telecom, Comunicações S.A.

    243 500 900

  • EDP - LTE - Eletricidade de Portugal

    808 505 505 (linha comercial)

    800 506 506 (avarias

  • Rodotejo

    243 333 200

  • CP - Caminhos-de-ferro Portugueses

    243 333 180

    www.cp.pt

  • Museu Diocesano de Santarém

    243 304 065

  • Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas – CNEMA

    243 300 300